Brasília Tecnologia Hudson Cunha

Campus Party Brasília terá 300 horas de conteúdo em cinco dias

Campus Party Brasília terá 300 horas de conteúdo em cinco dias

Além de três ambientes no Mané Garrincha, um deles aberto ao público, haverá visitas guiadas ao Biotic. A estrutura está com 70% de conclusão

De quarta-feira (27) a domingo (1º de julho), Brasília recebe a Campus Party. Os cinco dias abrigarão mais de 300 horas de conteúdo, no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

Serão três espaços: Arena, Camping e Open CampusO terceiro é aberto ao público,enquanto os outros dois são pagos — o primeiro tem o palco principal, e o segundo é o local de acampamento dos campuseiros.

Em vistoria ao local neste domingo (24), o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, destacou o interesse do público pelo evento. “É para conhecer e produzir inovações tecnológicas, participar de hackathon [maratona de programação], entre outras atividades”, afirmou.

A estrutura para receber o evento está com 70% de conclusão.

“As áreas que demandam credenciamento e ingresso terão os palcos, as principais palestras. A área open é a que o grande público visita, onde estão robôs, drones, simuladores”, explica o secretário-adjunto de Ciência e Tecnologia, Marcelo Chubaci.

Entre os palestrantes estão:

  • Chance Glasco, cofundador da desenvolvedora de games Infinity Ward, responsável pela franquia Call of Duty
  • Frank Karlitschek, nome relevante do software livre, com projetos de armazenamento e compartilhamento de informações para os consumidores (ownCloud e Nextcloud)
  • Alexandre Ferreira, inventor da Casemonstro, com um jeito lúdico de educar, por meio de palestras e oficinas de robótica.

A programação conta ainda com a hackaton, maratona hacker que reúne programadores, designers, profissionais da comunicação e de desenvolvimento de software e o Fórum Cidades Inteligentes — o tema dessa Campus Party é Parques Tecnológicos e Cidades Inteligentes.

Como será o estande do governo de Brasília na Campus Party

O estande do governo de Brasília vai ficar na área Open da Campus Party. Trata-se da parte aberta ao público, de entrada gratuita.

Nele, haverá a Arena Biotic, pequeno palco com espaço para apresentação, prestação de contas de editais de fomento a startups e avaliação dos resultados dos editais de 2015. A curadoria é da Secretaria-Adjunta de Ciência e Tecnologia.

Na quinta-feira (28) e na sexta-feira (29), o governo promove visitas guiadas e traslado para o Biotic — Parque Tecnológico.

As inscrições para ir ao espaço serão feitas durante o evento, no estande do governo de Brasília. A ideia é mostrar o local a pessoas ligadas às áreas de ciência, tecnologia e inovação.

O que é a Campus Party

A Campus Party, que estreou em Brasília em 2017, conta com mais de 540 mil campuseiros cadastrados em todo o mundo.

Já ocorreram edições em países como Alemanha, Argentina, Colômbia, Espanha, Holanda, México, Panamá e Reino Unido.

A iniciativa está presente no Brasil há dez anos e, em 2018, terá edições em São Paulo, no Rio Grande do Norte, em Brasília, na Bahia, em Rondônia e em Minas Gerais.

Sobre o autor | Website

Jornalista Especializado em Comunicação Empresarial e Marketing em Mídias Digitais. É idealizador da Escola do Jornalista Digital e Diretor de Comunicação e Marketing da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!